Mecanismos para avaliar o resultado de um programa de treinamento

alphabet blur books close up
Photo by Pixabay on Pexels.com

Por que você deve parar e ler esse post?

Porque vamos tratar de um assunto ainda um tanto complexo dentro das empresas. Como eu sei que o investimento feito no crescimento pessoal de cada um dos(as) funcionários(as) vai voltar de alguma forma? Como saber se o nível de conhecimento da pessoa realmente aumentou? Será que esse crescimento vai ser refletido na performance? Durante o texto de hoje espero mostrar que a cultura de aprendizado associada com uma gestão eficiente de metas pode ser um bom caminho para potencializar o ROI (return of investment – retorno sobre o investimento). E falo do ROI para todos os lados, pessoas considerando que evoluíram e empresas conseguindo melhores resultados.

Definição de um cenário de investimento em treinamentos

Eu trabalho no Grupo Caelum e, inclusive, fui instrutor dos cursos presenciais e online. Nós somos bastante procurados por empresas que querem investir na educação dos(as) funcionários(as). Em geral, o objetivo da maioria delas é capacitar as pessoas para a realização de algum projeto. E aí precisamos dar um zoom em três perguntas que precisam ser respondidas:

  1. Como saber se os treinamentos deixaram a pessoa mais capacitada?
  2. Como saber se o programa de capacitação realmente fez a pessoa ir melhor em determinada atividade?
  3. O que eu espero que mude no comportamento da pessoa em função do programa de capacitação?

Como saber se os treinamentos deixaram a pessoa mais capacitada?

Essa é uma métrica por muito buscada dentro das organizações, mas aqui você tem um problema sério. Muitas vezes, a forma encontrada para medir o conhecimento da pessoa é unicamente através da realização de provas.

E se a pessoa foi mal, quer dizer que ela não aprendeu? E se ela tiver ficado nervosa? Tiver errado algo por falta de atenção ou falta de tempo?? Digo, qual é exatamente o seu objetivo com a prova? O resultado dessa medição pode interferir de alguma forma na carreira da pessoa dentro da empresa? São muitas variáveis, muitas vezes não claras, que podem pesar durante uma prova formal.

Em geral, o que buscamos é verificar a capacidade da pessoa de aplicar na prática o que supostamente aprendeu. Mas será que ela já se sente pronta para isso? Então, a sugestão é que uma das avaliações pós curso seja relacionada à própria percepção da pessoa sobre seu aprendizado. Por exemplo, antes da pessoa entrar no programa de treinamento, ela pode ser questionada sobre o quanto se sente capaz de realizar determinado tipo de atividade. Depois do treinamento, a mesma pergunta pode ser feita.

A sensação da pessoa sobre sua capacidade de realizar determinada atividade, também conhecida como autoeficácia, é um ótimo termômetro para a jornada dela de crescimento pessoal.

E agora você pode juntar a percepção da pessoa com uma prova, por exemplo. Se a pessoa se considera capaz de responder perguntas sobre determinado assunto, o resultado esperado é que ela responda e acerte a maioria. E se não acertar? Achou um ponto de investigação :). Questione a qualidade do treinamento, assuntos abordados, participação da pessoa etc.

Como saber se o programa de capacitação realmente fez a pessoa ir melhor em determinada atividade?

Aqui não tem muitos segredos, a pessoa precisa ser exposta à atividade específica. Você pode ir por dois caminhos. Primeiro ela pode realizar as atividades em um ambiente simulado, onde todas as variáveis necessárias para a execução do trabalho são preenchidas integralmente. Neste artigo, é demonstrado que o ambiente simulado é o melhor lugar para você medir as reais capacidades da pessoa. Tudo que ela precisa para realizar a atividade está disponível, o cenário isolado ideal para uma análise.

E o segundo caminho, obviamente, é o mundo real. Aqui, muitas vezes as condições não são as ideias. O prazo pode ser mais apertado do que a pessoa gostaria, nem sempre a informação completa para a execução da atividade está disponível e por aí vai. Neste tipo de cenário, vai ser mais complicado avaliar isoladamente algum tipo de habilidade. Agora, claro que entendemos que a pessoa precisa se provar nesse tipo de situação também.

Nossa sugestão é justamente possibilitar a combinação de cenários. Caso contrário, você pode realizar um julgamento baseado em um cenário pobre.

O que eu espero que mude no comportamento da pessoa em função do programa de capacitação?

Em geral, quanto maior a autoeficácia, maior a abertura da pessoa para novos desafios. Esse pode ser o seu caminho para testar o novo potencial de performance adquirido por conta do investimento em cursos. Quais são os desafios que podem ser oferecidos para testar os novos conhecimentos? Lembre-se que aqui entra tudo que já discutimos sobre gestão eficiente de metas.

Na nossa opinião, esse é o melhor jeito de você verificar o impacto de qualquer programa de crescimento dentro da sua empresa.  Usando a estratégia de metas cada vez mais desafiadoras, você vai conseguir, depois de um tempo, perceber como anda a exposição ao risco de cada uma das pessoas do seu time. E essa característica cruzada com todo o incentivo fornecido para a capacitação de cada uma das pessoas, pode trazer bons insights sobre o tão almejado ROI.

Chegou até aqui?

Como é de praxe, obrigado por ter investido seu tempo e lido nosso post. Avaliar retorno sobre programas de aprendizagem é algo realmente complicado. Esperamos ter dado bons insights! É importante lembrar que o papel dos líderes, gestores etc é o de facilitar o caminho das pessoas dentro da empresa. Então nesse caso é importante que você busque caminhos para facilitar o aprendizado e maximizar o seu uso!

Momento propaganda

Gostou do texto? Lembra de compartilhar ele com alguém que você conheça da área de gestão. Estamos sempre abertos para debater e adoraríamos gerar mais momentos de discussão.

One thought on “Mecanismos para avaliar o resultado de um programa de treinamento

Add yours

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

Blog at WordPress.com.

Up ↑

%d bloggers like this: